Arquivo de março de 2012

Odebrecht premia trabalho sobre reuso de sacos de cimento em argamassa

sexta-feira, 16 de março de 2012

Um trabalho que propõe o reúso de sacos de cimento e cal para a melhoria de argamassas de assentamento foi o vencedor do Prêmio Odebrecht para o Desenvolvimento Sustentável 2011. A premiação contemplou os cinco melhores projetos universitários, dentre 66 inscritos, que propunham soluções de sustentabilidade aplicadas em engenharia. Desenvolvido pelas estudantes Lorena Rezende dos Santos e Patrícia Eliza Floriano de Carvalho e orientado pela professora Helena Carasek Cascudo, todas da Universidade Federal de Goiás (UFG), o trabalho vencedor identificou a viabilidade de beneficiamento das embalagens e do uso das fibras de celulose como adição à argamassa para assentamento de alvenaria. Os ensaios de resistência à tração na flexão mostraram, segundo Helena Cascudo, um desempenho 17% superior da argamassa modificada em comparação com a argamassa de controle, sem fibras.

Classifico como  um trabalho muito interessante, pois comprova que sustentabilidade pode ser barato, além do bônus da comprovação em ensaios que apresentaram maior desempenho técnico do produto final quando comparado com a argamassa comum.